Vamos Yogar?

By  |  0 Comments

Oi gente! Tudo bem com vocês? Sou nova aqui no blog da Immagine e pra quem não me conhece, meu nome é Camila, muito prazer! Sou professora de yoga e vou dividir com vocês um pouco mais sobre essa filosofia milenar e seus benefícios para a nossa saúde física e emocional. Bom! Hoje vou falar mais sobre a definição e sobre o dia internacional do Yoga, comemorado no último dia 21, juntamente com o solstício de inverno que marca o início do inverno no Hemisfério Sul e as mudanças que chegam juntamente com esse novo ciclo que se inicia. Vamos lá?!

Você já deve ter se perguntado “o que é o yoga?”. Eu inclusive já me perguntei várias vezes, então vou tentar resumir para entendermos melhor. Uma das definições mais conhecidas de yoga é união, unificação de si mesmo e isso quer dizer que através de uma prática balanceada e contínua buscamos a União entre corpo e mente. É sabido que corpo e mente são um, porém na nossa cultura teimamos em separá-los, cuidando apenas de um ou do outro. Mas acredito que não existe corpo sem consciência e consciência sem corpo. Com a prática trazemos aquietação para uma mente agitada e conforto para um corpo cansado, tornando o corpo uma morada confortável para uma mente tranquila.

No yoga existem várias vertentes, algumas mais tradicionais e outras mais contemporâneas. A linha que escolhi me aprofundar como professora é o Hatha Yoga, uma linhagem mais tradicional que tem suas raízes no período védico e pré-védico; mas isso é assunto pra outro dia, vamos voltar ao foco… A palavra hatha tem sua origem mais conhecida como “Ha” refere-se a Surya (sol) e “Tha” refere-se a chandra (lua), que são representações simbólicas do equilíbrio entre os opostos, entre o dia e a noite, feminino e masculino, verão e inverno… E através da prática de Hatha Yoga buscamos trazer esse equilíbrio para o dia a dia das pessoas, assim como o autoconhecimento e bem-estar.

(Foto: Nara Fotografias)

Assim como comemoramos o dia internacional do Yoga, também comemoramos o solstício de inverno no dia 21. Esse fenômeno acontece duas vezes ao ano, um em meados de 21 a 25 de junho que marca o inverno e o outro em meados de 21 a 25 de dezembro, que marca o início do verão, isso no hemisfério sul. Já no hemisfério norte, enquanto comemoramos o inverno, eles comemoram o verão, mantendo assim o equilíbrio na terra. Os efeitos do inverno, além das noites mais longas e os dias curtos, também são sentidos diretamente no nosso humor, mas essa alteração não é apenas a nível psicológico e sim em conjunto com o biológico, pois alguns hormônios sofrem uma redução em sua produção, devido a redução do contato com o sol. Portanto, nessa época é comum se sentir mais introspectivo e que emoções como aconchego e acolhimento estejam mais presentes. Não se culpe, se assim como eu,  você estiver com mais vontade de ficar em casa, sem vontade de praticar aquele esporte que você ama ou rejeitando o convite do amigo pra ir em algum lugar, pois são os ares do inverno alterando o seu humor e todos estamos passando por isso.

E agora você deve estar se perguntando: “o que uma coisa tem a ver com a outra?”, vamos lá entender melhor. Na minha opinião: TUDO! Pois praticando yoga trazemos o equilíbrio a nossas vidas, equilíbrio esse que a Terra já nos mostra ser muito importante para a manutenção da nossa existência. Com o inverno estamos mais introspectivos, buscando o autoconhecimento assim como nas práticas de yoga. E se pra você é difícil desfrutar da sua própria companhia, agora é a hora de começar a aprender a se amar mais, pois se você não se curte, quem vai curtir?!

Agora vamos aproveitar esses dias de inverno para praticar yoga, curtir mais a família e a própria companhia. Vamos cozinhar comidas mais quentes e com especiarias como curcuma, gengibre, canela, páprica, que aquecem nosso paladar e organismo. Que tal uma receita de Chai, uma famosa bebida indiana, pra aquecer as noites?! Faça e aproveite para convidar os amigos e a família para compartilharem dessa experiência. Namastê!

 

 Receita Chai

Ingredientes:

– 3 ou 4 colheres (de sopa) de gengibre ralado;

– 500 ml de leite;

– 500 ml de água;

– 5 sementes de cardamomo amassadas;

– 2 unidades de canela em pau;

– 6 colheres (de sopa) de açúcar;

– 3 colheres de chá preto;

 

Modo de preparo:

Ferva a água e adicione o gengibre, o cardamomo e a canela, deixe por uns 2 minutos fervendo. Acrescente o leite e o açúcar, deixe esquentar. Desligue o fogo e coloque o chá preto para infusão por 3 minutos. Coe e está pronto o Chai.

Baiana do oeste e apaixonada pelas belezas naturais da nossa região. Formada em estética, trabalhou 5 anos como maquiadora, até se apaixonar por uma filosofia de vida milenar e encontrar sua verdadeira vocação. Atualmente formada em Yoga pelo Yogabahia (Salvador - BA), possui certificação internacional pelo Instituto de Kaivalyadhama (Índia) e atua como professora de Hatha Yoga em LEM.